Seja minha vida o padrão naquilo que eu falar e no procedimento, o exemplo à todos levar.

PARTIDO POLÍTICO...

COM HONESTIDADE...  O PARTIDO PSOL VAI ABRILHANTAR A POLÍTICA DE ITABIRA

FAZENDO A SUA PARTE                    M A N I F E S T O      P A R A     R E F L E X I Ç Ã O.

Por Cléverson Lobo Boim    -     קלותסון  זוי מלו  בוים

Diz a ‘estória’, que um rapaz foi passear num balneário de um determinado município. E a exemplo de muitos, aproveitava socialmente o dia-a-dia. No entanto, tinha o rapaz o costume de levantar bem cedo, para observar a beleza do amanhecer e aproveitar os raios de sol e a tranqüilidade da manhã.
Naquela localidade, a exemplo de várias pessoas, um ‘jovem’ Idoso de 70 anos, teve sua atenção chamada para um detalhe. Era que o mencionado rapaz, por várias vezes, pegava as estrelas do mar e com as mãos,  as lançava uma a uma, de volta ao mar.  Relacionamento com a vida e com o problema do próximo.
A vida tem dessas coisas... Comportamento diferente. Acontece, que não era um comportamento ruim. Mas era estranho! Não comum por aquelas paradas e de outros lugares, já que aquele Idoso havia passado por tantos outros balneários. Rapaz, de comportamento não vazio e nem frio.
Um dia, não se contendo mais dentro de si, por curiosidade, tentando entender aquele rapaz em sua atitude, procurou se aproximar e ter contato com o mesmo. Depois de um bate-papo e de terem se apresentado, aquele idoso procurou saciar sua curiosidade, temendo ocorrer um mal entendido. Perguntou então àquele jovem o por quê, de todas aquelas manhãs, lançar as estrelas de volta ao mar. Isto posto, porque desde que o mundo é mundo, as estrelas são deixadas na areia pela maré alta. Elas morrem e continuam aparecendo outras.
O jovem em sua simplicidade, disse que a exemplo da estrela que estava em suas mãos naquele momento, é, que era a questão. É que naquele momento, único talvez, faria uma diferença muito grande para aquela estrela em suas mãos. Ou seja, mesmo que fosse somente uma, a ser lançada de volta, a diferença do destino seria uma realidade. E seguiu o jovem sua caminhada, observando as areias e achando outras estrelas e as lançando de volta para as águas.
Aquele idoso... De repente! Sentiu que acordou para algumas questões da vida e alimentou suas dúvidas de uma forma muito especial, agradável e profunda. É que, a partir de atitudes simples da vida, sem que ninguém perceba a grandiosidade de certos atos, podemos não somente agradar ao Criador (Eloino), mas fazer a diferencia na vida de muitas pessoas, mesmo que elas não percebam. E a exemplo das estrelas do mar, elas não têm capacidade e inteligência e nem mesmo voz e dialeto humano, para agradecer o bem estar e a mais uma chance de vida.

As estrelas do mar que conhecemos, sempre se mostram dura como uma pedra. Ou seja, elas estão mortas, porém, se petrificam fora de seu habitat natural. Mas, quando dentro d’água e vivas, elas são molengas e conseguem se movimentar, alimentar, se reproduzir e etc.
As estrelas do mar que ficam expostas com a decida da maré, passam a sofrer com a ação de outros animais como urubus, garças e demais aves que se alimentam da mesma. E ainda, com a ação mortífera dos raios de sol, na medida que o tempo vai passando e vai esquentando. E como a estrela fora d’água não consegue se movimentar, pois não tem musculatura para movimentar seu corpo molengo, fica prostrada e exposta a ações diversas em seu desfavor, que a levará a morte.
Aquele Idoso que apresentamos acima, observou algo importante. Que por mais que parece simples a atitude daquele bom rapaz, e mesmo que o mundo é mundo há milênios, para muitas daquelas estrelas que estavam naquela localidade, a diferença foi feita. Ou seja, elas continuam a gozar suas vidas, passeando pelas águas profundas, se alimentando, reproduzindo novas vidas.
Observou também, que a pessoa humana vale mais que o Mundo todo. E quantos não morrem ou melhor, se matam por um pequeno pedaço na diferença de uma divisa de terra.
Observou aquele Idoso a grandeza da pessoa humana... E diante da criação do Eterno, o quanto, nós não podemos fazer para ajudar ao nosso próximo, independente de se perceber ou não a ajuda. Bem como, é claro, o quanto podemos também fazer, de forma que, aquele que é ajudado, possa perceber, o quanto existe pessoas que o ajudam e o quanto ele também pode ajudar a outros. Este é o verdadeiro sentido de religião. Que sejamos uns pelos outros... Que amemos uns aos outros.
A exemplo do Sr. Idoso, o Signatário, observa, o quanto os movimentos sociais tem feito pelas pessoas em nosso pais. O quanto, indivíduos como aquele jovem, faz a diferença nos movimentos sociais. O quanto, pessoas simples e de grande caráter como a professora Heloisa Helena (Presidente Nacional do Psol), João Batista da Fonseca (Presidente Estadual do Psol em Minas) e sua esposa Marilda Terezinha da Silva Ribeiro Fonseca e Dim Cabral (Vanduiz Evaristo Cabral), o nosso grande professor BABÁ, professor Plínio Arruda Sampaio, além de tantos outros nomes em nosso seguimento partidário e Movimento Agrário, tem feito em prol da vida social, para melhor em prol daqueles excluídos em nossa sociedade. CARA A TAPA!
O quanto estes nomes, já colocaram a cara a tapa e tomaram tanta cacetada desse governo do PT com seu falso socialismo. Sabemos da viabilidade da reforma agrária em nosso pais, a partir da imensidão de TERRAS DEVOLUTAS, e com a estruturação dos minifúndios, com estradas viáveis para escoar a produtividade do campo, com escolas, com hospitais e posto de saúde, com espaço para esporte e lazer, espaço para reuniões do povo se reunir em associações (Casa do Povo), além de espaço à disposição de seguimentos religiosos que pregue a paz e o amor de uns pelos outros.
Para ir para o céu, tem que morrer... Todo mundo quer ir para o céu, mas ninguém quer morrer! Mas temos companheiros no Psol, que colocam a cara a tapa.  A Lei Criminal, já passou da hora de receber urgentes mudanças em alguns de seus Dispositivos de Lei. Devemos nos reunir para isto e estruturar Projeto de Lei para o caso. O TIPO de crime descrito no Art. 29 CP Concurso de Pessoas, e Art. 288 Formação de Quadrilha (desde que não estejam armados com arma de fogo), Invasão ou  Art. 161 Alteração de Limites, e Art. 161 § 1º e Inciso II - Esbulho Possessório, Art. 286 Incitação ao Crime (para os artigos anteriores), para aqueles lideres e seus comandados, que buscam uma saída política e social para o problema de necessidades básicas de pessoas da sociedade. Desde que tal ação não seja com violência armada. A violência será legítima, em Legítima Defesa de Si Próprio ou de Terceiro.  Qual a nossa Visão Olística do problema e qual a nossa Visão bacharelesca?  
Lutemos para a Exclusão de Ilicitude para os políticos e pessoas em atos políticos ou movimentos sociais. Isto posto, porque, por ANALOGIA, sempre agem no Exercício Regular de Direito para o qual atuam. O Agente Político, atua não com a intenção de Formar uma Quadrilha para cometer um ou mais crimes; e o objetivo de movimentos sociais, é uma luta contra a omissão dos governantes em desfavor do seguimento de muitos excluídos de nossa sociedade. Militância Legítima! O Psol e o MTL não merecem a Anomia Social.  Anomia social é a Truculência passiva das autoridades. Anomia Social - é a inversão de valores e de regras que beneficiam alguém... a elite, a uma minoria. Além da descrença da punição que temos, de autoridades e governantes corruptos, que interpretam as leis conforme seus interesses. Em que o certo passa a ser errado e o errado passa a ser o certo. Tolerância com o crime, é a providência que nunca é urgente (impunidade). Corrupção é uma forma de Truculência Invisível.  Corrupção com Sonegação, Lavagem de Dinheiro, Formação de Quadrilha, Corrupção Ativa e Passiva e outros. O Psol luta contra essas coisas e pela omissão do governo. Buscamos qualidade de vida para toda a população e não para uma minoria. 
Deve haver mobilizações, no sentido de que leis sejam criadas para descriminalizar a formação de quadrilha, nas ações políticas, já que certos juízes e promotores, não têm interesse de observar que o ato social e político não é voltado para ao crime. O Tipo Penal Quadrilha, é para aqueles que se juntam em 04 ou mais pessoais, para cometerem crime. O PSOL, o MTL e outros do mesmo seguimento, são instrumentos e instituições políticas, com representatividade e que atua às claras. As instituições mencionadas, não agem no anonimato e não estão voltadas para o cometimento de crimes e nem terrorismo e morte de inocentes. Lutam por um Motivo de Força Maior; lutam por um Estado de Necessidade dos excluídos. Busca o PSOL e o MTL o melhor para a coletividade, além de não visar lucros.
Devemos lutar por uma lei, que exclua tais ilícitos dos atos de seguimentos políticos e sociais (devidamente registrados), para que o Código Penal em seu art. 23 das Excludentes de Ilicitude, contenha tal particularidade /observação. E com isso, beneficie àqueles companheiros que já foram sentenciados injustamente por juízes sem o devido escrúpulo e promotores do mesmo nível. Aliás, como esperar de um juiz e de um promotor, que não sofre o que sofrem o seguimento dos excluídos? Como esperar de um seguimento, abastado pelos seus salários em torno de 40 mínimos mensais e que não passam fome, têm teto e todo o tipo de ‘babação e puxa-saquismo’ em torno de suas vaidades pessoais. Filhos de juízes, promotores, delegados de polícia e políticos da direita, estão muito bem... Obrigado! Onde esperar desses seguimentos abastados, um coração que não seja frio e vazio. Devemos nos organizar e continuar a clamar!
Talvez juízes, promotores, delegados de polícia, políticos da direita como o PT, precisem conhecer a ‘estória’ DA ESTRELA DO MAR E DO RAPAZ, antes de tomarem suas decisões a exemplo do que ocorreu com os companheiros do MTL acima mencionados. Companheiros de coração quente e preocupados com a situação atual.
Não venho pregar religião e rezas dentro de templos de alvenaria.. Mas existe um Salvador (Yaohushuá ou no aramaico Yeshuá ישועה) e Ungido – Separado (HáMashiaהמשיה ) com Missão e conhecido por alguns por Jesus. Devemos seguir suas IDEOLOGIAS e seus mandamentos (sermos uns pelos outros), para exercermos a verdadeira religião. E no capitalismo, não encontraremos este princípio como base, pois a ganância e a satisfação pessoal de alguns em detrimento da desgraça de muitos, é que prevalece. Yaohushuá (Jesus), foi o maior Socialista que já tivemos. E como seguidores de um Grande Homem, sendo Ele o próprio Criador (Eloino), não devemos cruzar os nossos braços, pois o mundo vive um caos social e moral. Vejamos o texto em Lucas 10:01 a 11.
O Mundo e o pais, está pedindo socorro. Yaohushuá tem interesse nas cidades ou onde pessoas se acumulam (Favelas / ‘Rocinha’, Aglomerados, Acampamentos e etc). Qual será a missão do PSOL? Que sugestão o Psol pode apresentar? Devemos pulverizar o Psol em grupos menores e levantar o problema daquelas localidades, onde ele, o Psol, se fizer presente?  Deve sim, o grupo do Psol, estar adiante de sua liderança e bem orientada por esta.
Como se pode ver, trata-se de uma tarefa árdua com uma ceara (caminho) imensa e com poucos militantes, além de nossas possibilidades diante de problemas colossais na vida do povo. Os recursos do Psol, são poucos e os desafios maiores. Quem são os Inimigos do Povo e quais são suas estruturas? Capitalismo, instituições e ganância também são estruturas. Polícia, justiça e governos corruptos e que expõe a base da sociedade (as famílias). É um problema espiritual? Sim! Mas, devemos atacar os instrumentos de injustiça, como empresários da droga, empresários e políticos gananciosos, instituições corruptas e etc. É uma tarefa, em meio a oposição. Como resgatar a paz e tranqüilidade de um povo ou dos excluídos? Primeiro em Yeshuá (Jesus) para resgatar a pessoa humana e trabalhá-la em seu íntimo, tornando-se uma tarefa voltada para as necessidades de paz e suporte emocional, quando pregamos que a esperança ainda existe. Depois, clamarmos.  Clamar contra os Inimigos do Povo.
Paz seja na sua casa! Falta paz dentro de muitos lares. O povo carente, se empanturra de TV e Internet na busca de paz. E quantos buscam paz nos entorpecentes, bebidas, adultério e etc. Procuram algo momentâneo e que não alimentará o coração de paz. As pessoas estão deprimidas, com os: - “Compre, Compre e Compre...... Alegria, Alegria, Alegria... Más, tomando remédio para dormir. Até o governo Federal, começou a ficar preocupado com a quantidade de remédios para dormir que vem sendo consumida no pais. Reflexo negativo! Por isso, diante de uma dura realidade, o Psol deve voltar seus esforços para ajudar esse povo que precisa de Esperança Viva e da verdadeira paz e alegria. É possível!
As pessoas necessitam de amizades e precisamos ter mais disso no PSOL. O Psol também anda carente, diante de estranhos conflitos internos, banhado com atitudes de ira intensa. A Ira, é uma espécie de Sentimento Terrorista. Devemos usar a Ira, mas, nem sempre devemos externá-las. A Ira, pode nos levar ao cometimento de um homicídio em segundos! Devemos tomar cuidado com nossas palavras no PSOL, pois, muitas são as inimizades e ressentimentos desnecessários, que poderiam nem ter existido se alguns administrassem um pouco mais suas línguas e também seus atos, antes de partirem para a briga corporal, a exemplo do que andou ocorrendo no dia 27/03/2010 em Contagem - MG. Vergonha!
Amizade é calor e afeto, estando perto uns dos outros em respeito mútuo, mesmo em meio as nossas diferenças. Orkut e Mail, não oferecem o calor humano de um relacionamento fraterno de amizade. Orkut, MSM e demais, permite que cresça o individualismo e a frieza. É bom ouvirmos as pessoas, olhar em seus olhos e semblante e se possível, gastar tempo com elas. Falo de afeto. Estamos gastando o nosso tempo no PSOL, para melhor e não para pior.
Pelo visto diante de certas Iras, colegas do Psol e em especial o povo brasileiro, necessitam de cura. Cura de doença emocional; cura de doença existencial (vide o duro sofrimento dos acampados). Pelo visto no PSOL, a exemplo de grande parte da população, temos muita gente fraca emocionalmente, que não sabem ouvir um NÃO, a exemplo de alguns ocorridos. Há casos na sociedade, de pessoas que suicidam, que metem a mão na cara do outro e etc. Não necessitamos de falar de endemoniados, mas de doença emocional – sofrimento. Alguns que recebem um simples não, começam a chorar. O namoro terminou, vai matar a namorada. Além de pessoas que diante de uma PROPOSTA, não sabem falar o devido, NÃO. Proposta de corrupção, traição, sexo e etc. Para isso devemos nos preocupar com nossas crianças, na construção de sua personalidade, caráter e etc. Para isso precisamos começar pela educação, pois elas serão os pais de amanhã.
Temos uma população ou geração que conhece tudo ou de tudo. É o intelecto da informação. Porém, fracas emocionalmente, ao ponto de não saberem mais quem são (no sentido amplo – formação de personalidade, de caráter, existencial e etc. Ou seja, abraçam tudo que aparece sem que tenham uma postura ideológica definida. Devemos ter uma visão de PSOL, primeiramente, como agentes de paz. Diante de problemas, o Criador, o Eterno, YAVE (Yaohu), Eloino, está muito próximo de cada um; o reino dele está muito próximo. E diante das dores, da falta de paz, que possamos dizer uns para os outros, que a paz do Senhor Jesus (Yaohushuá) seja com Você. Você que esteja bem ou que esteja carente de cura, carente de amizade, de atenção, carente por ter famílias quebradas, e ainda, diante de serviços prestados que estão um caos no Brasil; e também, um caos de justiça pessoal (atos de injustiça)Vamos interceder ao Eterno e partirmos para a ação (no sentido amplo e sentido específico), pois somos uma família PSOL.  
Que a paz do Senhor nos acompanhe para respeitarmos uns aos outros no PSOL. Que sejamos unidos e que  guardemos nossas Iras para nossos verdadeiros inimigos e sejamos mais amáveis diante de nossas diferenças. Que o PSOL seja um Gluter - agrupamento ou conjunto grudento, unido.  QUE FAÇAMOS NOSSA PARTE, A COMEÇAR DE HOJE, POR UM PSOL MELHOR.                                              
PSOL 50 ITABIRA MG   boimfamily@valenet.com.br

O PSOL, VAI ABRILHANTAR O FUTURO DE NOSSAS CIDADES E POVO. QUER MUDANÇA?  PSOL!
O centro da Bíblia, no Salmo (Tehilim) 118:08, temos: -  “Melhor é buscar refúgio no Senhor, do que confiar no homem.